de de

Eu raramente paro

As chances de retornar são mínimas.
O início é difícil, mas quando se inicia tudo se explica e se resolve.
Mas a interrupção provoca a dúvida, o medo, a letargia, a desesperança.
O pensamento desvia o foco.
Desaparece a realização, dando lugar à alienação.
A mente retorna à prisão costumeira, onde divide espaços com os pensamentos prontos. Lapidados por anos e anos de senso comum.
Essa adjacência contaminante.
Por isso eu não paro.
Ainda acredito que ser louco é minha maior virtude.
Enquanto a mente não foi maculada, enquanto ela pode criar e ser livre.
Eu raramente paro.


de de

Check-list para me tornar escritora

- Aprender filosofia
- Saber criticar
- Ler mais
- Não deixar de sorrir (que seria o mesmo que deixar de ser eu)
- Não sedimentar o pensamento
- Aprender palavras novas
- Utilizá-las
- Tentar não se revoltar com a imbecilidade de algumas pessoas
- Principalmente daquelas que pensam ser superiores
- Cuidar para não me tornar uma delas...
- Inventar uma maneira de ter um dia com 32 horas no mínimo

Apenas para deixar registrado.

de de

A bailarina e o louva-a-deus


Certo dia uma bailarina treinava insistentemente enquanto um louva-a-deus a espreitava. Ele nada queria dizer para não incomodá-la, mas sempre percebia um defeito em seus passos. Seu treinador aparecia, lhe ensinava, lhe disciplinava, mas não dizia o que realmente precisava.

Fonte da imagem

Dessa vez o louva-a-deus resolveu intervir:
"Ei! Você que dança disciplinadamente"

A bailarina olhou sem parar de dançar.
"Fale rápido, preciso me concentrar"

"Por que dança com tanto afinco? Qual é seu objetivo?"

Sem titubear a bailarina respondeu:
"Estou treinando para ser melhor que todas as outras. E assim terei boas contratações"

O louva-a-deus ficou em silêncio.

Mais tarde a bailarina continuava ensaiando, mas ele já não estava mais lá.
"Se o objetivo é tão frívolo, então seu defeito jamais será corrigido, pois não há jeito de colocar o coração e a alma em algo que se quer apenas por ambição"

E assim a bailarina ensaia enquanto o louva-a-deus observa... outra bailarina.



de de

Minha sorte

Ê sorte que me deste a vida
de ter a vida de outras pessoas

De quem é?
Não pedi, mas recebi
Se a sorte fosse um culpido
diria então que errou a flecha
Pois essa sorte que me acompanha
não é minha.

Só me dá o que não peço
E o que tanto anseio nunca recebo

Quem sabe (?) se eu me conformasse
em viver essa vida que a sorte me deseja
eu não seria feliz? (!)

Eu sei.



de de

Pássaros

Lá fora cantam os pássaros. Aqui dentro meu coração.

O sol vem vindo e você vai indo.

Escuto os pássaros para me distrair.

Pois se ouvisse meu coração sairia correndo atrás de ti.


de de

Abençoado dia


"Abençoado dia" Disse meu carro quando entrei.

Não entendi o que ele quis dizer, mas agradeci e retribuí.

Mais tarde, depois de deixá-lo sozinho no estacionamento, percebi que havia chegado dez minutos mais cedo no trabalho.

"Abençoado dia" pensei. "Pois meu carro conseguiu uma vaga na sombra."

Para reflexão...

de de

Por que choras?

Relembra teu passado com lágrimas

Lacrimejando assim de tristeza ou alegria?

Ninguém sabe

Nem ao menos você consegue dizer
se chora por ter tido bons momentos
se chora por não mais vivê-los
ou ainda por não terem sido bons

Por que choras?

Escuta, o médico vem aí, quem sabe não lhe extingue a dor,
pois, como diz minha avó
Hoje em dia há remédio para aquilo que nem doença é.

Persistência da memória - Salvador Dalí



de de

A agonia da felicidade

Ela estava feliz. Não simplesmente feliz, mas um FELIZ bem grande, com letras maiúsculas. Todos os seus sentidos funcionavam e sua saúde era de ferro. Seu emprego era satisfatório porque era bem remunerado e lhe dava liberdade. Seu casamento era perfeito e seus filhos nem se poderia descrever como eram adoráveis.


Porém, certo dia foi à igreja e em oração pediu:


"Deus, por favor, livra-me de tanta felicidade. Sem sofrimento eu não posso continuar. Afinal, quem pode ser assim tão feliz? Rogo um mal, pequenino que seja. Amém."


Nem Deus, nem o destino lhe atenderam.


E ela foi condenada a uma vida extremamente feliz.



de de

Relaxe

Pare e pense: quanto tempo perdemos ressentidos com a vida ao invés de aproveitá-la? Quantos minutos por dia, quantas horas por semana e quantas semanas por ano perdemos pensando em como nossa vida poderia ser melhor?

E ao nos depararmos com o sofrimento de pessoas que não tem o que comer, que estão terrivelmente enfermas ou privadas de qualquer aspecto essencial para nossa vida ficamos a refletir: "O quão forte eu realmente sou?" Mas o momento de reflexão logo passa, e logo voltamos a enxergar defeitos em nossas vidas.

Há uma frase que li quando era criança, que nunca mais esqueci, pois acredito muito nela: "Não seja forte como as ondas, que a tudo destroem, seja forte como as rochas, que a tudo resistem".

Muito clichê? Muita auto-ajuda barata? Muito conformista? Se a frase é chinfrim ou não, eu realmente não me importo. Me importo sim que a mensagem é simples e direta. Não destrua você mesmo e as pessoas que estão ao seu redor porque não consegue lidar com seus problemas, seja forte.

Aproveite os aspectos positivos que lhe restam, e por mais difícil que possa parecer, tente entender que é humano estar insatisfeito. O ser humano jamais será um ser completo, pois tem o dom da sabedoria. Diferente dos animais, o ser humano consegue analisar situações e compará-las, consegue notar injustiças e se revoltar.

Não somos animais movidos pelo instinto e justamente por isso vivemos insatisfeitos. Ai de nós se os animais pudessem raciocinar assim como nós, quantas guerras haveriam! Ai de nós! Porque jamais ganharíamos!

É normal estar insatisfeito, mas a grande diferença do mal e do bem sucedido é a maneira de lidar com essa insatisfação. É aí que se encontra a beleza da vida e o seu mistério mais profundo. Tememos o que desconhecemos. Esse mistério nunca desvendado. Mas cabe a nós aceitarmos que, cada ser vivente faz parte desse todo extraordinário, e não cabe a nós definirmos o que deveria ser ou não ser, mas apenas viver da maneira que nos for permitido, sempre aproveitando o que de melhor a vida nos puder conceder.




de de

Saudade

Gente, encontrei isso nos meus rabiscos de adolescente! Achei mega dramático, mas até gostei dos exageros, então vou postar aqui. Para aqueles que se identificarem, só tenho uma coisa a dizer: hoje eu sei que era muito exagero mesmo! =P



"Você não sabe o quanto eu chorei, me esforcei e lutei para estar aqui. Você me vê sorrindo, mas não imagina a força que eu guardo dentro de mim para conseguir apenas estar de pé.
Pensei como eu poderia fazer você entender o quanto eu luto para suportar a sua falta, mas eu jamais conseguiria despertar em você esse sentimento com tanta intensidade. Então eu me seguro e não te procuro.
Você se ausenta e eu entendo que devo me afastar se você não me quer ao seu lado.
Mas eu sofro só de pensar que toda tristeza que eu passei antes de te conhecer pode voltar. Por isso me esforço para ser feliz todos os dias, mesmo que no final de cada dia eu chore a sua ausência, acredito que um dia isso irá passar, mas eu só queria que você soubesse...
Ainda se quer saber, você me faz muita falta, muita falta mesmo. Por tanto tempo eu pensei que pudesse encontrar alguém que me compreendesse como você, que me escutasse e soubesse o que dizer, mas a verdade é que eu nunca encontrei. Eu tinha você do meu lado e não sabia que a razão do meu sorriso não eram as outras coisas e sim você.
Você se foi, e eu fiquei perdida buscando o motivo de minhas lamentações, e hoje, rodeada por tantas pessoas, eu ainda me sinto sozinha.
Talvez você já não sinta o mesmo, mas eu não me importo.
Só precisava te dizer."